skip to Main Content

As grandes viagens oceânicas tiveram consequências inesperadas no ritmo com que …

As Grandes Viagens Oceânicas Tiveram Consequências Inesperadas No Ritmo Com Que …

Publicado em: As grandes viagens oceânicas tiveram consequências inesperadas no ritmo com que …

As grandes viagens oceânicas tiveram consequências inesperadas no ritmo com que as plantas se moviam entre os cantos mais remotos do globo. No artigo “The Natural Frontiers of a Global Empire: The Pineapple—Ananas comosus—In Portuguese Sources of the 16th Century”, recém-publicado no Special Issue "Peoples, Nature and Environments: Shaping Landscapes" da revista Humanities, a investigadora do CHAM, Teresa Nobre de Carvalho, examina o contexto cultural que permitiu a difusão desta espécie botânica e segue os percursos oceânicos traçados por esta planta exótica que permitiu a ampla divulgação do fruto por todo o império português.

🔓 bit.ly/31oQsWg

Legenda: “Piña” – a primeira representação do abacaxi em um texto impresso apareceu em Gonzalo de Oviedo’s Historia General de las Indias (Oviedo y Valdés 1535) (Cortesia da Biblioteca Nacional de Lisboa Res 4058).

#CHAM #CHAMdivulga #CHAMdissemination
#EnvHist #naturalhistory #flora
#earlymodernnature #pinneaple

This Post Has 0 Comments

Comentar

Back To Top