skip to Main Content

Bolsas na UBI apoiam os estudos e premeiam o mérito dos novos alunos @ UBI

Publicado em: Bolsas na UBI apoiam os estudos e premeiam o mérito dos novos alunos @ UBI

A Universidade da Beira Interior (UBI) aumenta no próximo ano os apoios financeiros para os seus novos alunos, através do reforço dos programas de bolsas de estudo, que vão tornar o Ensino Superior mais acessível e valorizar o desempenho académico meritório. “Conquista o amanhã!” é a designação geral desta aposta, que visa criar uma Universidade feita de oportunidades iguais para alunos de diferentes contextos sociais e onde o esforço é valorizado.

Para os alunos que chegam à instituição através do Concurso Nacional de Acesso ao Ensino Superior (CNAES), que decorre até 7 de agosto, há várias ofertas sociais de apoio à frequência dos cursos de 1.º Ciclo ou Mestrado Integrado.

As Bolsas de Incentivo UBI STEAM, no valor de 500€, são direcionadas para alunos de 1.º ano de cursos de 1.º Ciclo ou Mestrado Integrado das áreas de ciências, tecnologias, engenharias, artes e matemática que tenham ingressado em resultado de candidatura em 1.ª opção no CNAES e terão, no ano letivo 2023/2024, 230 bolsas disponíveis. A estes apoios, inseridos nas Bolsas Impulso Jovem STEAM (Science, Technology, Engineering, Arts and Mathematics) e concedidos com verbas do PRR – Programa de Recuperação e Resiliência, juntam-se muitos outros, disponíveis na página UBI Impulso Jovem.

Outra hipótese é o Programa de Excelência +UBI, que visa premiar os melhores alunos, com nota de candidatura ao CNAES igual ou superior a 190 pontos e cuja colocação seja resultado de candidatura em 1.ª opção ao curso da UBI em que ingressa. O montante atribuído corresponde ao valor anual da propina.

Existem ainda as Bolsas +UBI, no valor de um ano de propinas, que abrangem os três alunos com melhor nota de candidatura, desde que superior a 140 pontos, numa seleção de cursos. Este ano serão contemplados os 1.º ciclos em Bioengenharia; Engenharia Civil; Engenharia Mecânica Computacional; Filosofia; Física e Aplicações; Matemática e Aplicações; Química Medicinal e Tecnologia e Produto de Moda Sustentável.

Dentro das ofertas de apoio social, a UBI tem também estabelecidos acordos com diversas entidades, nomeadamente autarquias, que contribuem para minimizar os custos inerentes a estudar na universidade através da prestação de bolsas a alunos que ingressem em áreas com elevada empregabilidade, de que são exemplo as formações da área da engenharia.

O Fundo de Apoio Social e o Programa Ser Solidário são outros instrumentos disponíveis na UBI com o objetivo de prestar auxílio a alunos carenciados, o primeiro através do pagamento de um valor igual ao montante da propina, em troca da cooperação do aluno em algumas tarefas, de acordo com as suas competências e disponibilidades, durante duas horas diárias, e o segundo através do apoio financeiro e de bens essenciais a alunos em situação comprovada de necessidade económica.

Além dos programas de apoio social especificamente desenvolvidos pela UBI, os alunos podem ainda candidatar-se aos apoios fornecidos pelo estado, tendo neste campo disponíveis a medida Bolsas +Superior, que visa incentivar, com o montante de 1.700€ anuais, a frequência do ensino superior em regiões do país com menos procura e pressão demográfica por estudantes economicamente carenciados, e as Bolsas de Estudo de Ação Social do Estado Português, cujo valor é calculado de forma individual e transferido mensalmente para a conta bancária do aluno.

Todas as medidas de apoio social e as suas especificidades, bem como informações sobre alojamento, alimentação, transportes, custo de vida e atividades, entre outras, estão disponíveis para consulta no site da universidade, em “Conquista o Amanhã”.

Back To Top