skip to Main Content

História da Historiografia #EP 49: Uma crítica à leitura orientalista de Karl Marx

Publicado em: História da Historiografia #EP 49: Uma crítica à leitura orientalista de Karl Marx

Neste episódio, os historiadores Víctor García Alemán e Nira Santana Montañez apresentam uma proposta metodológica para o estudo da história do pensamento político. Tomando como exemplo a visão do colonialismo em Karl Marx, os autores defendem uma proposta analítica de metodologia para a história do pensamento político que leve em conta como critérios interpretativos os textos, contextos e enquadramentos nos quais se inserem as produções intelectuais daqueles que as produzem.

Conheça o artigo “Texto, contexto y marco: una propuesta metodológica para el estudio del pensamiento político con una crítica a la lectura orientalista de Karl Marx”, publicado no v.15 n.40 (2022) da revista História da Historiografia. DOI: https://doi.org/10.15848/hh.v15i40.1892

 

 

Acesse o episódio também pelas plataformas Deezer e Google Podcast.

 

 

 


Créditos: Locução de Ilda Andreata Sesquim (UFOP), Coordenação de João Ohara (UFRJ) e colaboração de Helena Paulo de Almeida (UFOP)

 

 

Créditos na imagem: The Relief of Lucknow, 1857, de Thomas Jones Barker (1859). (Wikimedia Commons)

 

 

 

SOBRE OS AUTORES

Nira Santana Montañez

Universidad de Las Palmas de Gran Canaria | ULPGC · Research Institute of Text Analysis and Applications (IATEXT).

Víctor García Alemán

CSIC (Consejo Superior de Investigaciones Científicas-Spanish National Research Council), CCHS-Instituto de Filosofia, Graduate Student.

Back To Top