skip to Main Content

Jururu | HH Magazine

Publicado em: Jururu | HH Magazine

 

Amor, estou te achando tão jururu

É que a plantinha que plantamos juntos morreu

E que a felicidade é tão volátil que não conseguimos agarrá-la, prendê-la, pra sempre,

[entre os dedos

E que a crueldade é tão solerte que não conseguimos dominá-la, vencê-la, pra sempre,

[entre os medos

Me perdoe, amor, se eu te deixei também jururu

Não importa, amor. Tu me ama?

Amo

Pois eu também amo tu.

 

 

 


Créditos na imagem: Reprodução. Disponível em: https://wallpapercave.com/anime-love-sadness-wallpapers

 

 

 

SOBRE O AUTOR

Luciano Alberto De Castro

Luciano Alberto de Castro é mineiro de Teófilo Otoni, cruzeirense, dentista e professor da Universidade Federal de Goiás. Mora em Goiânia. Paralelamente à docência, dedica-se à música e literatura, atuando como compositor, cronista, contista e poeta. O autor se considera um apaixonado pelas várias formas de arte, pela história do Brasil, pelas plantas e passarinhos. Atualmente, colabora para algumas revistas, sites e jornais brasileiros enquanto prepara material para o seu primeiro livro.

Fonte: Jururu | HH Magazine
Feed: HH Magazine
Url: hhmagazine.com.br
Back To Top