skip to Main Content

UBI em projeto de reindustrialização da indústria têxtil e de vestuário @ UBI

Publicado em: UBI em projeto de reindustrialização da indústria têxtil e de vestuário @ UBI

A Nau Verde lidera um projeto no qual está envolvida a Universidade da Beira Interior (UBI), que pretende promover a reindustrialização da Indústria Têxtil e de Vestuário (ITV) nacional. O projeto LUSITANO – Agenda Mobilizadora para a Inovação Empresarial da Indústria Têxtil e do Vestuário em Portugal investiga a capacidade de fabricar fios de fibras recicladas e naturais e, subsequentemente, novos e inovadores produtos têxteis e de vestuário de superior valor acrescentado.

A equipa da UBI é composta pelos docentes e investigadores do IT-Covilhã, Hugo Proença e Pedro Inácio, e pelas docentes e investigadoras da Departamento de Química e do FibEnTech, Ana Carreira Lopes e Maria José Pacheco, respetivamente.

A agenda tem como objetivo promover a transformação competitiva do setor através de esforços concertados de I&D de sistemas inteligentes, alinhados com os paradigmas de Indústria 4.0 e Internet of Things e de sistemas de tratamento e reaproveitamento de efluentes, de modo a reduzir drasticamente o consumo de recursos hídricos.

Espera-se que os resultados do projeto LUSITANO se convertam em seis produtos, processos e serviços, nomeadamente, fios reciclados, fios naturais, tecidos à base de fibras naturais e recicladas, coleções de moda, sustentáveis e orientadas ao cliente, baseadas em tecidos naturais e reciclados, sistemas inteligentes e automatizados para a ITV e tecnologia para reutilização de águas residuais têxteis da ITV.

Este é um dos oito projetos financiados no âmbito do PRR – Programa de Recuperação e Resiliência em que a UBI participa. O trabalho dos investigadores da academia, nas mais diversas áreas, vai contribuir para a modernização de sectores ou empresas de enorme impacto na economia nacional: indústrias automóvel, têxtil e de vestuário e do papel e, ainda, dos campos espacial, aeronáutico e agropecuário.

Back To Top