skip to Main Content

VoIP no Wireshark – onde está o problema? • Blog FCCN

Publicado em: VoIP no Wireshark – onde está o problema? • Blog FCCN

O Wireshark é uma ferramenta de código aberto que permite capturar e analisar o tráfego de rede em tempo real. Suporta uma ampla variedade de protocolos de rede e a sua utilidade vai além de diagnosticar problemas de conectividade, sendo um recurso importante para a otimização de redes, incluindo redes VoIP.

No contexto VoIP, o Wireshark oferece uma visão profunda dos protocolos SIP (Session Initiation Protocol) e RTP (Real-time Transport Protocol) para diagnosticar e resolver problemas. No SIP, permite a identificação rápida de problemas – desde falhas na negociação até questões relacionadas com configurações do protocolo. Já no RTP, permite diagnosticar eventuais problemas de som, como o famoso áudio unidirecional1, pois oferece a funcionalidade de reprodução de streams de áudio.

Na secção “Telephony”, é possível escolher o filtro VoIP Calls, que nos permite isolar os pacotes relevantes para o Troubleshooting VoIP, simplificando assim a análise e acelerando o processo de resolução. É possível verificar o percurso da chamada e a sinalização da mesma.

Nessa secção, é, ainda, possível escolher a opção RTP Streams, que nos permite auditar a conversa realizada e identificar possíveis anomalias entre os dois terminais.

Vop 2 wireshark 2 FCCN Unidade de Computação

O Wireshark destaca-se por ser uma ferramenta indispensável para a resolução de problemas – não só localmente, como na rede RCTS VoIP -, proporcionando uma proatividade na resolução de problemas existentes e de padrões anômalos após capturas regulares da rede.

1Áudio unidirecional (One-Way Audio): Refere-se a uma situação em que o áudio de uma comunicação é transmitido apenas numa direção.

Picture3 FCCN Unidade de Computação
Fonte: VoIP no Wireshark – onde está o problema? • Blog FCCN
Feed: Blog – FCCN
Url: www.fccn.pt
Back To Top