skip to Main Content

Como a China se tornou uma potência olímpica

Publicado em: Como a China se tornou uma potência olímpica

O sucesso esportivo chinês é fruto da eficiência do seu planejamento estatal. Desde a Estratégia Olímpica, passando pelo Juguo Tizhi – ‘举国体制’, dezenas de políticas públicas foram implementadas para que a China se tornasse uma potência Olímpica.

Projeção da imagem do país no exterior; reforço da autoestima nacional; mola propulsora para o desenvolvimento da indústria esportiva e promoção do consumo do esporte. A evolução dos esportes olímpicos na China reflete um Estado indutor da inovação econômica, tecnológica e social.

Sua estrutura administrativa esportiva, seu sistema de seleção e treinamento de atletas, o sistema competitivo, todos de inspiração soviética, mas adaptados às características e necessidades chinesas, evidenciam a complexidade organizacional do socialismo chinês.

Os projetos, planos e estratégias, a ciência e tecnologia a serviço do esporte, destacam o Projeto como razão. Em suma, o sucesso olímpico chinês nos ajuda a perceber como se opera o planejamento Estatal através das políticas públicas para os esportes.

Neste novo vídeo no canal do Centro de Estudos Asiáticos do Departamento de Ciências Sociais, Políticas e do Território – UA, traço a trajetória dos esportes olímpicos chineses, desde os anos 1950 e, principalmente, a partir de 1980, e explico seus projetos, planos e estratégias olímpicas.

Como a China se tornou uma potência olímpica

Fonte: Como a China se tornou uma potência olímpica
Feed: [feed_name] Url: [source_domain]

This Post Has 0 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back To Top