skip to Main Content

Exposição sobre Aristides de Sousa Mendes em Peniche | Notícias

Exposição Sobre Aristides De Sousa Mendes Em Peniche | Notícias

Publicado em: Exposição sobre Aristides de Sousa Mendes em Peniche | Notícias

No dia 27 de Abril, integrando as comemorações do 25 de Abril e a Presidência Portuguesa do Conselho da União Europeia, chega a Peniche a exposição Candelabro ASM — Aristides de Sousa Mendes: o Exílio pela Vida, que esteve patente em Bordéus no ano passado. Será a primeira exposição internacional do Museu Nacional Resistência e Liberdade.

A exposição de homenagem a Aristides de Sousa Mendes tem curadoria da historiadora do IHC Cláudia Ninhos, em conjunto com Marie-Christine Volovitch-Tavarès e Victor Pereira. Vem para Portugal através de uma parceria entre a Direção-Geral do Património Cultural (DGPC), a Sousa Mendes Foundation, de Nova Iorque, e o Comité Sousa Mendes, de Bordéus.

O “Candelabro” remete para a vídeo-escultura em destaque na exposição. Da autoria de Werner Klotz, um artista residente em Berlim, a obra contemporânea de grande porte “interpreta o dilema de Aristides de Sousa Mendes nos dias anteriores à decisão que salvaria milhares de vidas do terror nazi”, lê-se no comunicado da DGPC.

A DGPC afirma também que o cônsul português “continua a ser símbolo de coragem, abnegação e amor à Humanidade, valores que importa exaltar, e fazer ecoar, num mundo ainda dizimado por atentados aos Direitos Humanos, regimes opressores e inúmeros conflitos armados que levam à fuga de populações e a cenários de miséria, sofrimento e morte”.

A abertura ao público a 27 de Abril prende-se com a comemoração da data de libertação, em 1974, dos presos políticos da antiga cadeia na Fortaleza de Peniche. A exposição poderá ser visitada de Quarta a Sexta-feira, das 14:00 às 18:00; ao Sábado e ao Domingo, das 10:00 às 13:00 horas. Estará patente até Outubro de 2021 com entrada livre.

This Post Has 0 Comments

Comentar

Back To Top