skip to Main Content

IHC contribui para o Núcleo Museológico de Fonética na… | Notícias

IHC Contribui Para O Núcleo Museológico De Fonética Na… | Notícias

Publicado em: IHC contribui para o Núcleo Museológico de Fonética na… | Notícias

Durante os últimos dois anos, o investigador do IHC Quintino Lopes foi consultor científico e um dos colaboradores no processo de identificação e inventariação da colecção científica do Laboratório de Fonética da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (FLUL) e do projecto de criação de um Núcleo Museológico de Fonética na mesma Faculdade.

“Trata-se de uma importante colecção que pertencia ao Laboratório de Fonética da FLUL, dirigido pela Professora Raquel Delgado Martins, que integra alguns instrumentos e documentos provenientes do Laboratório de Fonética Experimental da Faculdade de Letras de Coimbra, tema da minha investigação nos últimos anos”, conta-nos Quintino Lopes.

Em entrevista publicada no site da FLUL, Sónia Frota, coordenadora científica do Núcleo Museológico e Directora do Centro de Linguística da Universidade de Lisboa (CLUL), realça que “o visitante [do Núcleo] poderá conhecer instrumentos e métodos que tornaram possível o estudo dos sons e gestos que fazemos e percebemos quando comunicamos e ver alguns dos seus produtos científicos. Desde o antigo quimógrafo, de finais do século XIX inícios do século XX, ao espectrógrafo, instrumento central dos estudos de fonética acústica entre as décadas de 40 e 70, o núcleo mostra-nos como foi possível tornar a fala visível e analisável.”

A instalação do Núcleo ficou concluída no passado dia 6 de Novembro, sendo a sua concretização possível graças à colaboração de uma equipa de investigadores do nosso pólo na Universidade de Évora, do Museu Nacional de História Natural e da Ciência e do do Laboratório de Fonética e Fonologia e Baby Lab (CLUL — FLUL), coordenadores da iniciativa.

 

This Post Has 0 Comments

Comentar

Back To Top