skip to Main Content

Na semana passada a investigadora do CHAM, Leonor Medeiros, esteve a participar …

Publicado em: Na semana passada a investigadora do CHAM, Leonor Medeiros, esteve a participar …

Na semana passada a investigadora do CHAM, Leonor Medeiros, esteve a participar como docente no programa Erasmus+ Blended Intensive Programme, dedicado ao estudo da arquitectura popular mediterrânea, coordenado pela Universidade de Granada.

Decorrido em Itália, o workshop intitulado “Laboratorio de arquitectura popular – Redescubrir el Mediterráneo a través de su arquitectura: el patrimonio olvidado”, propõe repensar o conceito de lugar e de arquitectura tradicional, através de uma visão multidisciplinar que une áreas como arquitectura, arqueologia, antropologia, história ou sociologia.

Um grupo de alunos das diversas universidades associadas participou em aulas e realizou trabalho de campo em diversas cidades na zona de Bari, como Matera, Alberobello ou Ostuni.

Após um reconhecimento visual como primeiro contacto com as cidades em estudo e o território em que se encontram, procedeu-se a uma documentação sistemática, por desenho, entrevista e texto, da sua arquitectura popular, através de parâmetros formais, parâmetros espaciais, análise dos materiais de construção, bem como da identificação das características criadoras do ‘espírito do lugar’.

#CHAMdivulga #Erasmus #arqueologia #antropologia #arquitectura





This Post Has 0 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back To Top